segunda-feira, 16 de março de 2009

SAMIRA ÁVILA E O TEATRO DOCE/DENSO COMO A CHUVA - POR VALMIR SANTOS




Quem não se lembra da bela moça de vestido vermelho atravessando o palco correndo atrás do gari de macacão cor de abóbora? Falamos de Por Elise, o espetáculo que revelou para o país o Grupo Espanca!, de Belo Horizonte, no Fringe de 2005. Falamos de Samira Ávila, a mulher que deambulava em cena feito uma figura da dança teatro de Pina Bausch.


Samira deixou o Espanca! e reaparece na mostra deste 2009 com um Tennessee Wiliams, Fala Comigo Como a Chuva . O encenador paulista Marcio Aurélio assim batizou a sua livre adaptação para aquele mesmo texto, em 1990, num título que diz muito sobre o que virá de enredo: Vem... Senta Aqui ao Meu Lado e Deixa o Mundo Girar, Jamais Seremos Tão Jovens.


No projeto da Companhia Teatro Adulto, Samira faz par com Luiz Arthur, um jovem casal a deitar desilusões existenciais (o que nem sempre é ruim, ao contrário da ilusão, não?).

O espectador é alçado a essa solidão a dois, a esse medo a dois, de maneira contígua à cena, rente, no espaço diminuto de um quarto.


O espetáculo leva assinatura da diretora Cynthia Paulino. Parte do processo de criação é tateado com o público em http://falacomigodocecomoachuva.blogspot.com/.
Lemos no blog: "Talvez estivessem tão prontos para se soltarem um do outro como uma gota de água quase a cair, e apenas esperassem algo que simbolizasse a plenitude da angústia para poderem se separar."


O ator Luiz Arthur, com a mesma companhia, apresenta ainda no Fringe o solo A Morte de DJ em Paris , adaptação do conto homônimo de Roberto Drummond sobre aflições vividas durante o período da ditadura no Brasil. Quem assina a direção é Walmir José.

Espetáculo: Fala Comigo Como a ChuvaDatas: dias 22 às 21h30, 23 às 12h e 24 às 13h Local: Teatro Cleon Jacques Preços: R$ 20,00 e R$ 10,00

Espetáculo: A Morte de DJ em Paris Datas: dias 22 às 17h30, 23 às 18h e 24 às 16h Local: Teatro Cleon Jacques Preços: R$ 20,00 e R$ 10,00

2 comentários:

ana disse...

samira eu amo seu trabalho como atriz e como professora do valores de mimas não e atoa q eu participei em 2009 teatro
bjs e continue assim

Frederico Quintão disse...

Acabei de sair da apresentacao no Teatro Alterosa, achei a interpretacao impressionante!
Parabens!